Homens dos quais o mundo não era digno

 

Eu tava meio sumido, trabalhando num projeto novo em minha vida.

esse post está um pouco acido, mas a batida é para nós lideres, leiam e sejam abençoados em nome de Jesus.

Terça feira, igreja Matriz, quase nove da noite, entre muitos dos irmaos que foram buscar ao Senhor no culto de doutrina, lá estavam 2 jovens que me chamaram atenção, eram Vitor e Diego, lideres de jovens da congregação da Rua 11, entre um dialogo e outro percebia-se um Vitor distante de tudo o que era falado e comentando ali, seus olhos, sua atenção e seu coração focava-se claramente no pre congresso de jovens que acontecerá nos dias 22 a 26 de julho, evento esse que fará um grand estrago no inferno. Nesse momento eu paro aqui essa narrativa acerca da noite de ontem para aproveitar e ilustrar um texto biblico que tem mexido comigo a um tempão, em Hebreus 11.38, quando o autor da carta vem trazendo uma nobre lista de homens e mulheres que marcaram sua existencia pela ousadia de sua fé.

Pessoas simples, desconhecidas ate entao, em algum momento de sua historia ate desprezados pelos familiares e amigos, sem credito com os homens, cheios de creditos no céu.

No capitulo acima citado, leremos sobre a galeria da fé, e quando lemos esse trecho da palavra é como uma injeção de animo, e começa a tomar conta de nós um sentimento de incentivo, claro, o Santo Espirito aproveita o momento e nos enche de fé, nos dizendo: se eles fizeram você tambem pode fazer! mas sinceramente a ideia de fazer coisas maiores me anima, sei do Deus que eu sirvo, mas essa frase inserida nesse capitulo diferencia totalmente essas pessoas que antes desconhecidas agora a palavra do Senhor diz que são o mundo não os mereciam.

O negócio começou a estreitar quando percebemos que nessa lista nao tinha nenhum ser superdotado, ou diferenciado no quesito humano, na propria narrativa a biblia diz sobre Raabe, lembrando que se tratava de uma meretriz, ou seja, de todas classes sociais e ate abaixo delas, o Senhor nos aponta uma verdade: o mundo nao era digno dessas pessoas.

Pessoas que sentiam, temiam, e limitados tal como nós, porem a despeito de tudo o que nao tinham, manifestava-se o que tinham de melhor, a FÉ.

Penso que a essa altura você pode estar se perguntando, o que tem haver a galeria da fé, com os lideres da Rua 11?

Estamos vivendo tempos trabalhosos, a cada dia que passa parece que o relogio anda mais rapido. Passam os anos, entram outros anos e o que vemos são os mesmos trabalhos acontecendo, as vezes a sensação que eu tenho é que ano que vem só mudarao as pessoas, mas tudo sera da mesma forma, tranquilo, uma festinha bacaninha, mas que nao se propos a ganhar ninguem pra Jesus. Afinal, qual sera na verdade nossa missao enquanto lideres?? alguem pode dizer: temos que manter os jovens na casa do Senhor. amem por isso, mas o que faremos com eles aqui dentro se nao os colocarmos para produzir ? e dentro dos seus melhores dias que sao o periodo da juventude, faremos o que para motiva-los a servir ao Senhor ganhando almas para Jesus? a verdade amados é que lideres de fato se perguntam o que podem fazer de melhor para o Senhor e como liderar o departamento mais forte da igreja, se manterao nesse mesmo ritmo, acuado dentro de suas igrejas?? quero lembrar-lhes que enquanto a vida anda boa para você lider, na escola os adolescentes sao ganhos pelos seus colegas a participarem de encontros de emo, onde a iniciação é um trago num cigarro de maconha, sao convidados as festinhas, onde lá, podem acontecer todo tipo de orgia, e nao se enganem, muitas dessas meninas sentadas nos seus conjuntos se perderam nessas festinhas, e com a cara mais lavada do mundo você diz face a tranquilidade das coisas na igreja que esta tudo bem, nao poderia estar melhor.

Passada as festividades, o que mais vemos é a velocidade com que os jovens e adolescentes se esfriam e se afastam do nosso meio, a verdade, é que eles nao querem passar mais um ano assim, de ensaio a ensaio, igual a um time que nao sabe fazer gol, só tocam a bola pro lado, enquanto isso, o mundo os oferece mais, bailes, festas, musicas que hoje em dia ensinam posições sexuais, mexem no imaginario dos adolescentes e aclamam a prostituição como status, o menino que sai com todas é elevado a condição de prostituto, essa é onda que nos cerca, esse é o nosso campo de batalha, frente a isso vemos uma turma desanimada que consegue passar um ritmo de quartel pra pregar um evangelho que tem por prerrogativa ser do livre arbitrio.

Dai o jovem nao fecha com eles, o que eles sao: rebeldes.

NÃO ESTOU FAZENDO APOLOGIA A REBELDIA! mas sinceramente chamando atenção dos nossos companheiros que em suas igrejas e congregações tem em sua missao liderar jovens e adolescentes.

Não sem deixem cair na tentação de apontar os erros do que nao foi feito certo por eles, chamem pra si a responsabilidade, porque se ao inves de estarem em suas casas vendo seus dvds, ou nas suas academias malhando seus belos corpos bem que poderiam estar visitando os jovens que estao meio que afastados do caminho do Senhor. Dirigir culto é mole, organizar uma festividade mais facil ainda, ter o respeito e orgulho da molecada é que nao é facil.

No meio de tudo isso, vejo uma luz no fim do tunel, vejo jovens liderando jovens, vejo um Vitor distante porque assumiu um compromisso, que compromisso é esse? financeiro?? tambem, afinal essa festividade esta tendo um custo consideravel, mas seria esse o maior compromisso do Vitor? ou o que mais mexe com ele? caros amigos, posso afirmar uma coisa: a grande finalidade é que cada jovem e adolescente da Rua 11 possa se orgulhar de estarem lá, congregando com eles, passando o melhor dos seus dias com eles, porque um dia eles poderao dizer: eu ajudei naquela festividade, e dirao aos seus filhos: ô epoca bôa! quanto vale isso meus irmaos? quanto? te garanto que foram necessarios muitos dias de planejamento, de joelho no chao, de lagrimas derramadas, aí é que o pepino engrossa e a faca fica cega, abrir mao de suas vidas e familias somente por causa dos adolescentes e jovens??? eu tenho mais o que fazer! pensa assim boa parte dos que se dizem lideres.

Gostaria de lembrar-lhes que a colheita é proporcional ao seu plantio. Isso é duro para muitos, porem gratificante para esses que estao se dedicando a darem os seus melhores ao Senhor.

Citei aqui os lideres da Rua 11 porque sou muito ligado a eles, mas sei que nesse mundo vasto a muitos companheiros que deram e investiram o seu melhor para suas pres fosse recebida pelo Senhor, Deus vai honrar VOCÊS! em nome de Jesus... Pessoas que do pouco granjearam e deram muito, pessoas que tinham poucos recursos humanos mas nao se preocuparam, pediram ajuda e avançaram, os olhos dos quando olham vcs brilham e dentro de seus corações eles dizem: aquele ali é meu lider, sei que posso contar com ele!

A Vila do João nao é digna de ter jovens como essa liderança lá, sinceramente penso que vocês estariam no meio daqueles trezentos escolhidos pelo Senhor para estarem no meio da guerra.

Vitor, Felipe, Diego, Diretoria, jovens e adolescentes da Rua 11 Vocês honram o oficio da liderança!

 até o proximo post!

 

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
Visitante número: